Geral

Setor de Artesanato cresce em vendas na pandemia

Publicado por Veja Notícias no dia 14/07/2021 as 12:35

Que a pandemia revolucionou nossa sociedade não há dúvidas. Pessoas perderam empregos, passaram a trabalhar em home office e muitas se viram sem possibilidade de renda com o fechamento do comércio em várias cidades. Dessa forma, algumas áreas que andavam com mercado em queda, tiveram um boom e interesse e vendas nessa pandemia. E uma dessas áreas é a do artesanato e atividades manuais. Acompanhe nossa matéria e entenda!

Setor de Artesanato cresce na pandemia

De acordo com dados do diiese, a economia criativa está em crescimento e é um dos segmentos que têm gerado oportunidade de negócios durante a pandemia. No Brasil, o setor está aquecido e tem movimentado R$ 50 bilhões por ano. No Tocantins por exemplo, a profissionalização do artesanato tem conquistado o mercado, por isso muitos negócios têm despontado no segmento.

Embora claramente tenha ocorrido uma queda nos primeiros meses de pandemia, o mercado logo se reinventou e migrou para as vendas online. De acordo com uma pesquisa feita pelo Sebrae, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, os empresários do setor de artesanato foram os que mais usaram o Whatsapp como ferramenta de venda (92%), entre todos os segmentos da economia. Além disso, os pequenos negócios do artesanato aparecem em segundo lugar quando o assunto é lançamento de novos produtos ou serviços. Em pesquisa do Sebrae, 53% desses empresários criaram novidades desde o início da crise, perdendo apenas para os serviços de alimentação, onde esse percentual foi 56%.

Como iniciar nesse setor da economia?

Se você deseja investir nesse segmento, o artesão tem que levar diversos fatores em consideração. De acordo com dados do Sebrae, a escolha do modelo de negócio deve considerar o produto trabalhado, bem como seu volume de produção e a venda. A entidade explica que para não errar nesse quesito, é essencial realizar um planejamento estratégico do empreendimento. Isso pode ser feito, por meio de um plano de negócios, analisando a viabilidade econômica do projeto.

Outro fator importante a se analisar é que muitas vezes pode ser necessário fazer cursos na área, como por exemplo um bom curso de lembrancinhas personalizadas que estão na moda, já que muitas pessoas agora fazem as festas online e apenas mandam entregar um kit com lembrancinhas e petiscos na casa da pessoa.

Que cuidados tomar antes de investir?

O primeiro passo , além de fazer um curso na área, é fazer uma pesquisa de mercado, verificar nas redes sociais de empreendimentos locais e há o interesse nesse produto, e se as pessoas estão realmente consumindo este tipo de produto. O segundo passo é procurar o Sebrae da região. O SEBRAE presta consultoria a empreendedores, e tem até alguns cursos gratuitos para quem quer abrir um negócio. Isso pode ajudar bastante quem não tem experiência a lidar com questões como crédito para investir, mercado, questões fiscais e de impostos e taxas.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos

Como recuperar conversa de WhatsApp?

3 de agosto de 2021

Como recuperar conversa de WhatsApp?

O recurso de recuperar conversa apagada do WhatsApp é bastante útil. Muitas vezes podemos deletar acidentalmente um diálogo desejando fazer outra operação, como arq...

Dicas para escolher uma ração boa e barata

3 de setembro de 2021

Dicas para escolher uma ração boa e barata

Antes de mais nada, o desenvolvimento da ração para cachorros é feito com ingredientes de alta qualidade que permitem uma longevidade para o pet. Por isso, é import...