Publicado por Veja Notícias no dia 27/07/2021 as 19:54

Todos nós nos deparamos com vários conflitos em nosso dia-a-dia. Conflitos com pais, amigos ou cônjuge, e também aprendemos a resolvê-los porque eles estão próximos de nós. 

Agora, e quando à resolução de conflitos no trabalho? A resolução de conflitos no local de trabalho é mais difícil porque envolve indivíduos que não conhecem o temperamento uns dos outros.

Como líder, você certamente enfrentará atritos dentro de sua equipe. Como resultado, a resolução de conflitos tornou-se uma habilidade essencial de liderança. 

Grandes líderes não apenas podem identificar conflitos, mas também projetar soluções viáveis ​​para resolvê-los.

Uma boa resolução de conflitos permite uma melhor experiência do funcionário. 

Quando os conflitos da empresa são resolvidos de forma construtiva, o vínculo da equipe se fortalece. Promove relações de trabalho fortes e um ambiente de trabalho positivo.

Mas antes de nos aprofundarmos nas regras básicas de resolução de conflitos no local de trabalho, vamos entender:

O que é gestão de conflitos?

A gestão de conflitos nada mais é do que o processo de resolução de uma disputa entre duas ou mais pessoas. Os conflitos podem ocorrer entre colegas de trabalho, gerentes, gerentes, colegas de equipe ou mesmo entre o provedor de serviços e os clientes.

Durante esse cenário de conflito, a negociação é a chave para resolver um conflito. Um acordo negociado é um processo mais rápido de lidar com conflitos. 

Ajuda você a identificar a solução e chegar a um consenso. Além disso, melhora o relacionamento interno entre os funcionários.

Conflito significa uma discordância ativa entre pessoas com princípios ou ideologias opostas.

Ativo, Desacordo e Oposto

Portanto, a resolução de conflitos segue a mesma lógica de um cenário de resolução de problemas:

  • Fazer com que as partes opostas cheguem a um terreno comum.
  • Resolva o desacordo.
  • Transforme o ativo em passivo.
  • Parece um pedaço de bolo, certo? Bem, não é. Se fosse tão fácil, você não estaria procurando por soluções de resolução de conflitos)

O verdadeiro teste de um gerente ou do departamento de RH não é quando as coisas estão indo bem, mas quando as coisas dão errado.

Qual é a importância da resolução de conflitos?

O conflito pode destruir uma equipe que não perdeu tempo aprendendo a lidar com ele.

A resolução de conflitos é crucial para manter uma força de trabalho produtiva e motivada. Com a ajuda das habilidades de resolução de conflitos, você pode:

  • Compreenda totalmente as ideias, personalidades e crenças de sua força de trabalho. 
  • Ajuda a obter um novo ponto de vista.
  • Auxilia na criação de relacionamentos de equipe positivos.
  • Você pode encontrar soluções rápidas para os conflitos diários e usar todo o tempo, dinheiro e energia para aumentar a produtividade da força de trabalho e o envolvimento dos funcionários.

Habilidades de resolução de conflitos

Muitas habilidades são úteis para resolver conflitos no local de trabalho. Um líder deve desenvolver esse conjunto de habilidades para manter a paz e a harmonia no local de trabalho.

Portanto, nesta seção, incluímos alguns exemplos para ajudá-lo a compreender as habilidades de resolução de conflitos.

Empatia

Um aspecto essencial da resolução de conflitos. A empatia ajuda você a entender uma pessoa, mesmo quando você discorda de uma situação ou de uma discussão. Ajuda a tratar a todos com amor e respeito.

Escuta e comunicação ativas:

Quando surgem situações de conflito, é essencial expressar emoções fortes e se tornar ouvintes ativos. Isso apenas indica sua sinceridade para com seus sentimentos e emoções. Você deve ouvi-los genuinamente e não pensar em como vai reagir.

Perdão

A disposição de perdoar colegas de trabalho e funcionários por seus erros é vital para a resolução de conflitos. Se alguém se comportou de maneira injusta, mas depois pediu desculpas, isso pede um simples perdão.

Imparcialidade

Praticar igualdade é crucial ao resolver conflitos no local de trabalho. Suponha que você esteja mediando uma disputa entre dois ou mais funcionários, você deve permanecer imparcial e não mostrar nenhum sentimento de favoritismo para com uma pessoa em particular. 

Se eles acharem que você é parcial, o ressentimento e o conflito se agravarão.

5 etapas de gestão e resolução de conflitos

Vou citar agora as 5 etapas da gestão e resolução de conflitos.

Etapa 1 – Identificar a origem do problema

Como mencionamos na introdução, quando surge um conflito em seu escritório, o primeiro passo é comunicar-se com todos os envolvidos para entender seu motivo. Quando a origem do problema é conhecida, é mais fácil decidir como resolver.

Dessa forma, procure reunir todas as informações disponíveis neste primeiro momento, dando uma chance para que cada colaborador explique sua versão do fato. Logo, você consegue ir identificando por que e quando o problema começou. 

Etapa 2 – Olhe além do incidente

Aproveite o fato de que provavelmente você será um estranho neste conflito, o que lhe dá a chance de olhar para a situação sem ser tendencioso ou estressado

Muitas vezes, o inicio do problema será uma questão boba que ganhou uma grande proporções à medida que ambos os lados se tornaram defensivas e começaram a se concentrar em “ganhar” a discussão em vez de entender o problema real ou a falta de conversa. 

Como líder, é sua função encorajar ambas as partes a pensar como uma equipe e concentrar todos os esforços na tentativa de resolver o problema, em vez de jogar uma à outra. 

Etapa 3 – Solicite soluções

Depois de recuperar o foco de todos para o problema principal, é hora de perguntar a cada parte sobre seu ponto de vista sobre qual seria o melhor resultado para resolver esse problema.

Incentive-os a serem razoáveis ​​e ter consideração pelas perspectivas e opiniões uns dos outros. Assim, você pode se surpreender com a forma como eles cooperam à medida que você começa a sugerir maneiras de resolver o conflito.  

Etapa 4 – Encontre uma solução equilibrada

Depois de ouvir as sugestões de todos, o próximo passo é encontrar uma solução que ambas as partes possam apoiar, traçando o curso de ação mais aceitável para resolver o problema. 

Portanto, ao tomar uma decisão, é importante refletir qual é o melhor resultado para todos os envolvidos inclusive a empresa. Também é fundamental que seus funcionários saibam o que o levou a tomar essa decisão, mediando as duas partes para um aperto de mãos quando finalmente chegam a um acordo. 

Etapa 5 – Tome medidas para evitar problemas semelhantes no futuro

Esta é a melhor parte do desenvolvimento de habilidades de gestão de conflitos: você sempre pode aprender com os conflitos anteriores, identificando formas de prevenir os futuros!

Ao realizar essas etapas, você verá que o gerenciamento de conflitos em sua empresa ficará muito mais fácil, contribuindo para um ambiente de trabalho saudável e produtivo.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos

3 melhores Cursos do Senac

7 de abril de 2021

3 melhores Cursos do Senac

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac é pioneiro no desenvolvimento de educação voltada ao aprimoramento profissional de pessoas que trabalham ou des...

O que é CDI?

13 de julho de 2021

O que é CDI?

O que é CDI? No artigo de hoje vamos te explicar tudo sobre esse tipo de empréstimo. Quem está buscando informações sobre investimentos, como aposentadoria priva...