Publicado por Veja Notícias no dia 04/10/2021 as 19:11

Adquirir um imóvel é o sonho de muitas pessoas. Esse processo envolve planejamento financeiro, pesquisa e disciplina para avaliar qual é o melhor tipo de financiamento de imóvel para a sua condição familiar. Além disso, existem algumas taxas envolvidas no processo de compra. Portanto, continue lendo e entenda mais sobre a taxa TIIE.

O que é a taxa TIIE?

Além do imóvel, um financiamento também envolve taxas e seguros. Uma delas é a Taxa de Interesse Interbancário de Equilíbrio (TIIE), instaurada em 1995, que serve como referência para as operações de crédito entre instituições bancárias.

A TIIE é determinada pelo Banco do México tendo por base em cotações apresentadas pelas próprias instituições de crédito e reflete as condições do mercado em um determinado momento.

Por isso, se você está pensando em obter crédito para financiar um imóvel, confira porque é importante saber como funciona a taxa TIIE.

Função e impactos

A função da TIIE é servir de referência para que as instituições financeiras estabeleçam as taxas de seus produtos como créditos corporativos,  crédito-ponte, cartão de crédito, entre outros.

A TIIE é diretamente impactada pela taxa de política monetária estabelecida pelo Governo do Banco do México, que considera as operações de atacado por casas de bolsa sobre as operações envolvendo títulos de dívida emitidos pelo Governo Federal, IPAB (Instituto para la Protección al Ahorro Bancario) e o Banco do México que tenham sido liquidados.

A partir da TIIE, é possível conhecer quais são as condições monetárias do mercado. Ou seja, é a taxa que permite às instituições financeiras conceder recursos através de linhas de créditos.

Qual é o impacto da TIIE?

Quando essa taxa sofre queda, o crédito tende a ficar mais barato, pois é a referência para a determinação da taxa de juros pelas instituições financeiras.

Sendo assim, a diminuição na taxa de juros pode estimular o consumo e a busca por financiamento por quem deseja comprar uma casa própria.

Como se calcula a taxa TIIE?

A TIIE é calculada todos os dias e divulgada no Diário Oficial da Federação. Além disso, o seu valor pode ser consultado neste mesmo diário para diferentes prazos (28, 91 e 188 dias).

Esse cálculo é feito tomando por base a partir da cotação de seis instituições financeiras. Quando isso não ocorre, o Banco do México estabelece a TIIE considerando unicamente as condições de mercado.

O banco determina no contrato firmado com você a taxa de juros anual máxima que poderá ser utilizada para os cálculos— que são geralmente feitos a partir da soma de uma parte fixa (que representa a margem de lucro do banco) e a cotização da TIIE (custo do dinheiro).

Escolher crédito

Muitos ficam na dúvida sobre como escolher o crédito mais adequado para a sua situação financeira e estilo de vida. Cada instituição bancária oferece diferentes tipos de crédito, com taxas, durações e condições diferentes para atender uma maior variedade de clientes.

Um dos fatores mais relevantes para determinar a concessão de crédito é a capacidade de pagamento do cliente: os bancos liberam parcelas que equivalham a, no máximo, 30% da renda mensal do solicitante.

Então, quem busca crédito imobiliário precisa dar um valor de entrada, que costuma variar entre 20% e 25% do valor total do imóvel. 

Quanto maior for a entrada paga, menor será o financiamento e o valor total (visto que haverá menos parcelas e, consequentemente, menos tempo de aplicação da taxa de juros). 

Para ter uma boa noção de qual seria o valor adequado da sua renda a ser comprometido com o financiamento, é bom recorrer a simulações.

Muitos bancos oferecem esse recurso em seus sites. Porém, é recomendado conversar com diferentes consultores dessas instituições para entender suas avaliações e outras sugestões que podem ser mais adequadas para você.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos