Emprego

Procurando emprego: Confira concursos previstos e vagas para 2021

Publicado por Veja Notícias no dia 16/06/2021 as 22:48

Então, o que acha de um posto de trabalho com estabilidade e salários acima da média? Isso é exatamente o que a maioria dos trabalhadores brasileiros quer. Onde conseguir? Serviço público.

O funcionário público, além de ter estabilidade financeira, é motivado a crescer profissionalmente.

A maioria dos órgãos públicos investe em qualificação dos seus funcionários, incluindo flexibilidade de jornada para ensino superior e licenças para pós-graduações.

Tudo, dentro do plano de carreira dos cargos públicos. Quanto mais qualificado, maior o salário. Um professor universitário com mestrado, por exemplo com vários cursos no currículo, possui vencimentos que variam de R$ 3.500,00 a R$ 4.500,00, enquanto que um doutor recebe entre R$ 7.500,00 e R$ 11.000,00.

Para quem é funcionário mais antigo, antes de 2018, a aposentadoria ocorria com valor integral. Atualmente, o trabalhador se aposenta com metade do salário, mas pode contribuir com a previdência, pública ou privada.

Alguns órgãos, entretanto, possuem associações de funcionários que montaram seus próprios fundos de pensão, para cuidar da vida pós-aposentadoria.

Jornada de trabalho empregado X concursado

A jornada de trabalho dos funcionários públicos também tende a ser menor. A maioria dos órgãos públicos possuem jornadas de 30 a 36 horas semanais.

No contrato de muitas empresas conta 40 horas em dedicação exclusiva, mas algumas estatais negociam com seus funcionários jornadas menores.

Além dessas jornadas menores, as instituições públicas costumam ter folgas maiores e feriados, além de não existir, na maioria dos casos, metas de vendas ou de rentabilidade. A maior parte dos funcionários públicos está vivendo um período de valorização de sua mão de obra por parte das agências regulatórias.

E o chefe? Sabe aquele chefe que pega no pé do funcionário? Em órgãos públicos ele é uma espécie rara, pois as diretorias costumam ser trocadas. Há rotatividade, por votação dos funcionários, ou por indicações de cada governante que assume o poder no país, estado ou município.

As vagas públicas existem. Todos os anos abrem-se concursos para todos os tipos de trabalhos. Em 2019, foram realizados mais de 140 concursos no Brasil, entre governos estaduais e federal, além dos municípios, ofertando mais de 42 mil vagas. Os salários variaram entre o mínimo, até mais de 25 mil reais, para cargos que exigiam desde alfabetização básica, até nível de doutorado.

Concursos Previstos para  2021

Mas, para ser um funcionário público, é necessário passar em um concurso. E, para passar em um, precisa-se vencer os concorrentes.  Só o concurso de escriturário do Banco do Brasil (nível médio), realizado em 2014, teve 636.386 candidatos.

Em 2021, entre os concursos mais esperados estão os do:

  • Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE);
  • Instituto Nacional do Seguro Social (INSS);
  • Polícia Rodoviária Federal (PRF);
  • Receita Federal, da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN);
  • Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC);
  • Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT);
  • Correios, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes);
  • Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq).

Receita Federal e da Polícia Rodoviária Federal, entre outros. Ao todo, são previstas mais de 21 mil vagas.

Com o pré-sal, o processo de informatização da parte burocrática de vários órgãos, programas públicos de acesso à informática e o grande crescimento do ramo de construção de moradias e estabelecimentos comerciais, as carreiras que estarão em alta em 2021 serão aquelas ligadas a marketing, leis, indústria naval e petrolífera, construção e TI. O setor financeiro, também, terá um destaque especial nos concursos públicos.

Assim, os editais tendem a demandar profissionais como engenheiros civis, engenheiros químicos, engenheiros navais, administradores, contadores, especialistas em direito tributário, médicos, especialistas em informática, logística e processamento de dados.

E é bom se puxar em 2021, pois a tendência da maioria dos governos, incluindo o federal, é de corte de gastos. Enxugamento de folha de pagamento e terceirização de funções mais básicas, que permitam um maior fluxo de vagas nas empresas contratadas por licitação, farão com que a oferta de vagas em concursos diminua nos próximos anos.

Algumas são bem básicas, na verdade.

Primeiramente, é necessário lembrar que a concentração pode ser exercitada. Isso leva tempo. É bom começar a estudar para um concurso com antecedência, para ter uma rotina e uma concentração adequada para absorver ao máximo os conteúdos.

Nesse processo, o estudante irá perceber que possui uma forma melhor para estudar (ouvindo ou lendo, por exemplo), um turno do dia que assimila melhor as informações, um local da casa ou do trabalho em que é melhor para se concentrar. Tudo é costume e experiência.

O estudante, que vai iniciar sua saga até um cargo público, precisa se planejar. Adequar seus horários e suas atividades de acordo com a necessidade de estudo. Os maiores e mais difíceis conteúdos devem ser trabalhados com mais afinco. E para manter essa rotina é preciso muita disciplina.

O dia a dia oferece muitas formas de se divertir ou de mudar o foco, mas se manter concentrado é importante. É mais fácil estabelecer um cronograma do que retomá-lo. Cursos online, como os oferecidos por empresas como a Alfacon, podem ser uma boa saída.

Dentro do planejamento, é muito importante que se incluam horas para lazer, para descansar a cabeça e o corpo. É muito importante saber que um indivíduo descansado processa melhor as informações.

Cada assunto precisa ser mais do que averiguado pelo candidato, precisa ser processado e relacionado com exemplos e aplicados em situações diárias.

O candidato deve se manter motivado. Dados de densidade de concorrentes por vaga não querem dizer nada, pois o que importa são aqueles que estarão preparados.

Por isso, é muito importante que a pessoa faça um concurso e se dedique a ele no seu tempo. E saia da inércia de ficar motando um modelo de curriculo 2021 para conseguir um novo emprego.

É melhor focar em um certame do que se inscrever e fazer vários sem ter a certeza de que se preparou bem ao longo do tempo.

Uma atitude interessante é procurar concurseiros mais experientes e pegar algumas dicas. Eles podem, talvez, até fornecer algum material para estudo básico, como português, matemática e outras matérias fundamentais, que são comuns à maioria dos concursos.

E depois do primeiro concurso é importante saber que pouca gente passa de primeira. Perseverança é muito importante. Manter o foco durante e depois, de forma a ter sempre em mente que todas as informações diárias, na mídia e nos livros, são subsídios para a próxima prova.

Para quem quer ser funcionário público o segredo é: concentração, disciplina e insistência.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos

Como trabalhar em casa na internet

21 de julho de 2021

Como trabalhar em casa na internet

A internet se tornou um meio de ganhar a vida tão promissora quanto a advocacia, trabalhar no setor bancário ou qualquer outra profissão. De acordo com o que você f...

Saiba o que é uma marina de barcos

18 de junho de 2021

Saiba o que é uma marina de barcos

Se você está pensando em adquirir uma embarcação, saiba que é fundamental saber o que é uma marina de barcos e todos os serviços que ela oferece. Afinal, você preci...