Publicado por Veja Notícias no dia 16/06/2021 as 22:48

O ano de 2020 foi um ano difícil devido à pandemia mundial do novo corona vírus, e as expectativas para 2021 foram um pouco silenciosas devido às consequências na economia, mas, há onde se investir e crescer profissionalmente mesmo considerando o cenário atípico.

 O ‘’ novo normal ‘’ aponta a necessidade de se adaptar, inovar, que é fundamental nesse período e coloca em evidência algumas áreas e oportunidades que ainda assim, inclusive, serão de extrema importância para retomada da economia.  

De forma sucinta, iremos abordar um pouco a respeito de áreas com potencial para se destacarem em 2021 considerando a necessidade do mercado atual.

E-commerce de Informática: 

Nada mais é que um departamento que tem por objetivo simplificar e facilitar a ponte entre produto (de informática) e consumidor, fazendo assim com que a compra possa ser via internet, a qualquer momento e em qualquer lugar.

 A cargo de informação, no segundo trimestre de 2020 se teve 101% de crescimento lojas desse setor.

 As vendas se estendem de peças (e acessórios) para computação e informática em geral, a computadores e notebooks, por exemplo.

 A empresa que deseja alcançar sucesso na captação de clientes e vendas deve prezar e investir, por exemplo, no processo de ‘’entrega/montagem’’ do produto, boas garantias, certificados de qualidade e produção de conteúdos sobre o que vende/produz.

Desenvolvimento de games para celular

35% dos dispositivos usados para jogar, segundo informações da ESA (Entertainment Software Association) são smartphones, e o mercado movimentou R$ 402,5 bilhões em 2020. 

Tendo em vista as análises realizadas, conclui-se o grande potencial da área que cresce cada dia mais, assim como o número de pessoas que utilizam os produtos em questão.

 Interessante que o mercado é extremamente vasto, se considerarmos as ‘’ personas ‘’, ou seja, o público alvo do produto em questão: desde crianças (cada vez tem-se acesso a jogos por telefone mais cedo) a pessoas na terceira idade, por exemplo. 

Independente da classe ou status social se joga hoje em dia. 

Os jogos são direcionados ao consumidor através das ‘’lojas de compra’’ dos sistemas operacionais de cada telefone, exemplo: Google Play, App Store, Windows Phone Store.

 Dessa forma basta se registrar como pessoa física ou jurídica, fazer um pagamento único para publicar e pronto, vender o aplicativo (jogo).

Comércio de wearables (Vestíveis)

Em questão estão os smartwatches e fitbands, ou seja, relógios e pulseiras com a capacidade de nos dar informações que até pouco tempo não se tinha através deles. 

Aqui, temos uma relação inovadora e ampla no que se diz respeito a tecnologias da computação, conectadas diretamente ao consumidor final através desses dispositivos.

O usuário, por exemplo, através de um comando consegue ver batimentos cardíacos, distância percorrida, calorias perdidas, conectar a redes sociais, dentre outras funções.

Essa facilidade de se conectar e partilhar de informações importantes torna o produto requisitado, imprescindível muitas vezes e de crescente tendência, sendo movimentados R$438 milhões no primeiro trimestre de 2020 pelo comércio ativo no Brasil, sendo do relógio inteligente a maior porcentagem dessa movimentação. 

A popularização e aumento do público alvo, pela praticidade e tecnologia envolvida tornam o departamento em si totalmente promissor e com expectativas de crescimento no ano de 2021.

Clube de assinatura

Principal benefício, por assim dizer, desse tipo de ‘’venda’’, é a continuidade da comercialização do acesso ao produto e a monetização recorrente, prevendo assim, por exemplo, o faturamento mês a mês.

Resume-se em estabelecer planos, assinaturas ou mensalidades de determinado produto, atingindo assim maior vinculo com o consumidor, consequentemente aumentando os ganhos devido à permanência num determinado serviço/produto audiovisual.

Em um momento com tantas pessoas conectadas, o dia inteiro, todos os dias, um clube de assinaturas torna-se cada vez mais tendencioso.

Estima-se hoje 4 mil clubes, que arrecadam na somatória em torno de R$ 1 bilhão por ano. A exemplo do poder, alcance e retorno financeiro citamos a Netflix e Spotify.

Ou seja, um departamento que tende a crescer exponencialmente com o rumo das tecnologias e abrindo espaço sempre pra novos serviços.

Venda de cosméticos naturais e artesanais

Considerando que os dias passam e com eles a ideia de se consumir produtos cada vez menos prejudiciais a saúde aumenta, tem-se em vista a produção de cosméticos naturais no ramo da estética e beleza.

Os cosméticos mais conhecidos (convencionais), não levam certificação ambiental, em contrapartida necessitam da regulamentação da Anvisa.

Conforme um estudo, observamos que 62% dos brasileiros desejam produtos à base orgânica e natural para cuidar do corpo e pele, deixando de lado a química e os produtos convencionais.

No contexto da pandemia, por mais recente que seja, o departamento tende-se a crescer e conciliar com a vontade da maioria em melhores condições no que diz respeito ao corpo e cuidado saúde.

Nessa constante, o mercado então de shampoos, sabonetes, condicionadores, cremes e produtos de uso pessoal além de contar com alto público alvo é de fácil acesso, principalmente os artesanais.

Serviços de TI 

Podemos observar que os serviços de TI são de suma importância nos dias atuais, levando em consideração a quantidade e diversidade de informações e processos envolvendo tecnologia em prestação de serviços.

O foco comumente considerado nos serviços de Ti é fazer de forma eficaz a tecnologia ser entregue. 

Tem mudado, na nova concepção, o importante é dar atenção também a quem se entrega, ou seja, ao cliente final. A satisfação de quem usa e precisa dos serviços.

Nesse cenário destacamos duas frentes do Ti, a primeira é o cloud computing.

 Nada mais é que um serviço proposto capaz de compartilhar aplicações, armazenamentos, dados e redes em nuvem, tornando desta forma mais dinâmico, seguro, econômico e fácil o acesso ao produto em qualquer lugar, independente de plataformas.

Dessa modo, há um ganho na questão de equacionar: liberação de produto x demanda. Se ganha em segurança, agilidade, armazenamento ilimitado, acesso fácil e tem-se um modelo do pagamento pelo que se consome (tipo de recurso).

Outra frente é a segurança da informação.  Cuida para que em meio a agilidade e fácil acesso a recursos, se tenha segurança e garantia de não haver acessos não autorizados, além da privacidade.

Impede que redes, dados e informações caiam nas “mãos” de pessoas não autorizadas.

Segundo informações, o setor cresceu 4,1% no ano de 2020 e espera-se (UM) contínuo crescimento.

É um ramo que cresce e é fundamental para a permanência e satisfação do cliente, basta olhar para o mercado atual e as ações empresariais cada vez mais dependentes da tecnologia da informação.

Delivery de comida

Segundo dados apresentados pelo SEBRAE, o setor de entrega apresentou 103% de crescimento no primeiro semestre de 2020.

Esse crescimento é devido a uma inclinação cada vez maior de se comer fora de casa (produtos de restaurantes etc.), levando em consideração o cotidiano cada vez mais corrido e sem tempo muitas das vezes para se programar e fazer alimentação dentro de casa. 

De forma simultânea esse setor incentiva e aumenta a criação das pequenas e micro empresas baseadas na produção e delivery de refeições, sendo tendência também. 

Karyna Muniz, do Sebrae SP, observa que se existir uma boa administração, uma empresa de entrega e produção de refeições gere um lucro acima de 20%.

Estética

Mesmo nesse cenário atípico em que vivemos, o setor da beleza continua crescendo no Brasil.

Esse crescimento apesar do período de isolamento social, se da de acordo com a SBCP, devido a um aumento de 50% nos processos minimamente invasivos. 

Procedimentos que visam, por exemplo, perdas de medidas e redução da flacidez que retardam ou ajudam a preservar mais o corpo, postergando assim os sinais do envelhecimento. 

Pra se ter uma ideia, de acordo com pesquisa de 2019 divulgada pela ISAPS, no ano de 2018 o Brasil fez mais de 1 milhão de cirurgias plásticas e 969 mil procedimentos estéticos minimamente invasivos. Número esse que se teve um crescimento de 2020 pra 2021.

Esses processos são possíveis devido a um avanço na ciência estética. Processos de harmonização facial, como também os já citados, deixaram de ser distantes e passaram a ser mais próximos da realidade de quem deseja. Mais fácil acesso.

Área de constante evolução que encontra um público alvo cada vez mais disposto a cuidar do corpo e qualidade de vida. Para alcançar mais as pessoas, se investe em tecnologia, clube de vantagens e colaboradores, para que o cliente tenha um atendimento mais específico, eficaz e acessível.

Negócios imobiliários

Segundo a CBIC (Câmara Brasileira da Industria da Construção) o mercado de venda e construção de casas e apartamentos foi um dos mais estáveis durante a pandemia, com crescimento de 8,4% em vendas.

Na mesma direção os financiamentos imobiliários tiveram crescimento enorme alcançando quase 70% em setembro, em comparação com o mesmo período em 2019.

Devido à valorização do lugar para se morar, da conquista da casa própria, da normalização de fornecimento insumos e lançamentos, acredita-se ser o momento ideal para a pessoa que deseja empreender no setor imobiliário.

Outro fator que favorece o mercado é a taxa básica de juros, que permanece pequena e a situação fiscal, que ao analisarmos concluímos estar controlada num patamar que permite boas expectativas.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos