Comparativo

Kindle ou Livro Físico, qual a melhor escolha? Destaques positivos e negativos

Publicado por Veja Notícias no dia 23/08/2021 as 19:14

Se você ama ler é provável que já tenha se deparado com esse dilema, Kindle ou Livro Físico, qual a melhor opção?

Para ser sincero, ambos possuem vantagens e desvantagens, afinal, nem todo mundo lê da mesma maneira, intensidade ou frequência.

Por isso, nada melhor que conhecer todos os pontos positivos e negativos de cada uma das alternativas.

O Kindle é prático, versátil e geralmente mais barato, mas, não oferece o realismo dos livros físicos, não permite encher a estante com todos os títulos e não pode ser riscado.

Já o livro físico é palpável, oferece realismo e permite marcações e dedicatórias, mas, costuma ser mais caro, ocupa espaço e pesa, além de exigir cuidados extras de conservação.

Vantagens do Kindle

O kindle e os e-readers em geral estão cada vez mais acessíveis em termos de custo-benefício. Portanto, essa é uma das primeiras vantagens do Kindle.

Os livros digitais, que podem ser lidos no Kindle, em geral são muito mais baratos e muitos deles estão disponíveis gratuitamente.

Como é o caso dos mais de 1 milhão de títulos disponíveis para assinantes do Kindle Unlimited. 

Recursos e funcionalidade exclusivas também contam pontos a favor do Kindle, entre as mais comuns estão:

  • Possibilidade de ajustar o tamanho da fonte
  • Marcação de trechos importantes, que ficam salvos na conta de usuário;
  • Ajuste do brilho da tela de acordo com o ambiente;
  • Dicionário integrado, bastando selecionar a palavra;
  • Tradutor para palavras estrangeiras;

Esses são alguns dos recursos oferecidos pelo Kindle, existem outras que podem ser ajustadas a nível de usuário, ou seja, você configura o seu dispositivo de acordo com as próprias preferências.

A maior parte dos leitores opta por manter as configurações padrão, mas, saber que elas estão lá para serem usadas a qualquer momento, com certeza é um diferencial.

Espaço interminável é uma vantagem importante, pois, é possível carregar uma biblioteca inteira num dispositivo que pesa 182 gramas.

O meio ambiente também agradece, afinal, depois de um pequeno custo inicial a quantidade de recursos naturais utilizado para disponibilizar cada novo livro é ínfimo.

Agora imagine se todos os livros lidos pelo Kindle precisassem ser impressos, a quantidade de árvores necessárias para produzir o papel seria enorme.

Portanto, a consciência ambiental pode ser o impulso que faltava para finalmente optar pelo Kindle.

Bem, em linhas gerais essas são vantagens principais do Kindle, eu poderia citar ainda o fato de ser a prova d’água, a possibilidade de ler em ambientes não tão claros, a entrega instantânea dos títulos e ainda a sincronização da leitura em vários dispositivos.

Mas, você já entendeu o que torna o Kindle a melhor escolha.

Desvantagens do kindle

A lista de pontos negativos do Kindle é muito menor que a de pontos positivos, mas, em alguns casos são bem relevantes.

O principal destaque negativo e talvez o mais relevante é a falta da percepção sensorial do livro impresso. Nada se compara a leitura de um livro impresso e o Kindle não consegue reproduzir essa sensação.

A necessidade de recarga também é relevante, mesmo que não chegue a ser um problema na maioria dos casos, afinal, a bateria tem duração de até 10 horas de uso contínuo em configurações normais.

As 6 polegadas do modelo Kindle e Kindle Paperwhite ficam aquém do tamanho normal de uma página de livro impresso. Que costuma ter em torno de 10 polegadas.

Claro que a possibilidade de ajustar o tamanho da fonte atenua parte do problema, mas em contrapartida você terá que virar a página numa frequência maior, o que afeta a experiência de leitura.

Enfim, depois de aceitar essas limitações e desvantagens o Kindle se torna a melhor escolha para leitura.

Vantagens do livro impresso

Se você ama ler, é provável que tenha uma apego emocional pelos livros impressos, pois, a sensação de estar com um livro novinho em mãos é gratificante.

Ainda melhor é a sensação de virar página por página e perceber a evolução da leitura como um processo que acompanha a narrativa.

O livro como presente em geral é acompanhado de uma dedicatória o que gera um valor extra, que vai além do valor financeiro pago por ele.

Esse tipo de experiência não possui equivalente no caso dos livros digitais.

Já para quem é colecionador, apresentar a estante cheia de títulos é motivo de orgulho, e nesse caso a pergunta Kindle ou livro físico se torna quase irrelevante.

É muito diferente você dizer que leu 100 livros no Kindle e mostrar um estante com os livros já lidos.

Além do mais, é possível definir marcações nas partes mais importantes para consultas posteriores.

A última vantagem e provavelmente a menos citada é o processo de compra do livro físico, que pode facilmente ser transformada em um programa divertido e cheio de experiências.

Você lembra da sensação de chegar em uma livraria repleta dos títulos que você vem pesquisando a semanas, apenas aguardando a oportunidade para comprar?

Pois é, os amantes de leitura passam horas admirando as capas, lendo as sinopses para finalmente escolher o melhor, é o programa perfeito para matar o tédio de qualquer leitor.

Desvantagens do livro físico

Como nem tudo são flores, o livro físico também tem suas desvantagens e que aliás tem acelerado o processo de adoção dos e-readers ou livros digitais.

A primeira delas é o custo dos livros impressos, todo o material utilizado na impressão das páginas e capa tem um custo e quem paga é o leitor.

No caso do Kindle esse custo é quase inexistente.

A preservação do meio ambiente não é o ponto forte dos livros impressos, afinal, muitos recursos naturais são utilizados para produzir e disponibilizar cada uma das cópias do livro físico.

O peso e volume do livro físico pode facilmente se tornar um problema para quem gosta de ler durante as viagens, gosta de ler nos intervalos ou até mesmo não dispõem de uma estante exclusiva para livros.

Por isso, se mesmo depois de conhecer os prós e contras de cada opção você ainda não tem uma resposta para Kindle ou livro físico? Então vale a pena dar uma olhada no texto.

Kindle ou livro físico?

O Kindle é leve, permite configurações personalizadas e possui a capacidade de comportar milhares de títulos em um único dispositivo de 182 gramas.

Com todas essas vantagens, a longo prazo é muito mais barato e leve que o livro físico. 

O livro físico oferece uma sensação de leitura realista, permite a romanização do processo de compra e pode ser emprestado aos amigos.

Por isso, hoje minha preferência é pelo Kindle por ser super compacto, mais econômico e pela preocupação ambiental.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos

O que é água filtrada?

20 de abril de 2021

O que é água filtrada?

Não é incomum que algumas pessoas não saibam o que é água filtrada e qual é a sua importância. No entanto, a cada dia mais tem se discutido sobre qual tipo de água ...