Publicado por Veja Notícias no dia 26/08/2021 as 17:37

Pensando em dar início à construção de sua obra, mas ainda não tem ideia de quais profissionais são capacitados para fechar contrato em sua obra? Será que é necessário fazer a contratação de um bom engenheiro para sua obra? Continue a leitura deste artigo, pois hoje vamos falar sobre isso e muito mais! 

Diversos especialistas recomendam que um bom engenheiro faça parte de sua obra, para que ela tenha uma coordenação melhor. O engenheiro é o responsável por orientar os profissionais ou o dono da obra sobre os materiais necessários para realizá-la. O engenheiro estudou anos para isso, portanto sabe a forma correta de realizar a construção ou a reforma.

Porém isso é apenas uma recomendação, caso você opte por não contratar um engenheiro, não quer dizer que você não terá o resultado desejado. 

Existem várias etapas para a realização de uma construção. Sendo algumas delas:

Cronograma

O cronograma é uma etapa importante, pois tem o intuito de amplificar a visão, evitando futuros acidentes, contratempos e alguns atrasos durante a obra. O cronograma também faz o controle do financeiro, faz uma boa contribuição para a administração da obra e ainda programa todas as compras.

Para que o engenheiro crie o cronograma, é preciso que ele siga os seguintes passos:

  • Estabeleça absolutamente todas as tarefas precisas para fazer a realização da obra, duplicando toda etapa. 
  • Realize o sequenciamento das tarefas, estabelecendo as pendências entre elas. 
  • Faça uma estimativa da duração de cada tarefa que foi listada. 
  • Faça a organização de todos os dados para emitir o cronograma inicial, que será sua referência para todo o projeto. Mantenha seu acompanhamento, fazendo acompanhamentos periódicos, conforme o andamento da construção. 

Projeto

No decorrer de um projeto, é preciso que os objetivos, a expectativa, a equipe que fará a obra e principalmente o orçamento, sejam salientados. Todo projeto necessita de muito estudo, para que tudo saia nos conformes, cumprindo as expectativas do cliente.

Existem alguns impasses que podem surgir durante a obra, dentre eles podemos encontrar:

  • Falta de formalidade na mão de obra;
  • Dificuldades devido ao tipo de solo de um terreno;
  • Variações de clima.

Dentre outros impasses que podem surgir no andamento da construção civil.

Durante o andamento do projeto, muitas soluções e opções de obras deverão ser expostas. Elas precisam ser analisadas para um bom resultado final, já que seu intuito é otimizar o decorrer da obra, envolvendo boa qualidade.

Mão de obra

A mão de obra da construção precisa ser muito bem pensada quando o projeto estiver sendo feito, já que tende a ser um tanto quanto decisivo dado aos fatores de qualidade e produtividade. Por isso, profissionais de qualidade e especializados devem ser contratados para ter maior garantia de um resultado mais elaborado, cumprindo com suas expectativas. 

Segurança

A segurança no trabalho também é essencial. Por isso deve ser um dos pontos principais inclusos no planejamento. 

Administração do estoque

É recomendável possuir um material reserva no estoque, para possíveis imprevistos. Dessa forma, o local em que esse estoque ficará armazenado deve ser apropriado para todo tipo de material. 

Os fornecedores

Os fornecedores possuem efeito direto com a obra, por isso o relacionamento com eles deve ser além do contrato de materiais ou serviços. Sendo assim, devem ser pensados como uma parceria fundamental e estratégica, para a otimização dos processos e recebimento de benefícios para ambos.

Mas afinal, quando devo fazer a contratação de um engenheiro para minha obra?

Seja para reformas e construção, quando será necessário fechar contrato com um engenheiro?

Um engenheiro serve como uma cabeça para a construção de uma obra, por isso, na maioria das vezes as pessoas sempre optam por contratar um. Mas quando a presença de um engenheiro realmente é importante?

A contratação desse profissional, só deve ser obrigatória quando houver uma alteração no interior do imóvel (construção). Sendo assim, o profissional realizará toda uma inspeção e liberará um alvará para modificação.

Se por exemplo, a obra a ser realizada for um prédio residencial,  é necessário que o condomínio exponha o projeto para o síndico. Se ocorrer uma mudança no interior do prédio, o síndico precisa requerer a análise de um arquiteto ou de um engenheiro. 

Conclusão

Podemos concluir que para uma obra ser mais assegurada e com mais direção, a presença de um engenheiro é indispensável. Mas não que o engenheiro seja obrigatório em absolutamente toda obra. 

Leia também: Como combinar a escrivaninha na decoração do quarto? Confira algumas dicas!

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos

Conheça a Blue Med Alvorecer

14 de agosto de 2021

Conheça a Blue Med Alvorecer

Com a pandemia do coronavírus, a preocupação com a saúde cresceu, visto o aumento da procura de planos de saúde no Brasil desde o início de 2020. Contar com pla...