Publicado por Veja Notícias no dia 10/01/2022 as 12:45

Com a disseminação da alimentação saudável e a busca por uma qualidade de vida melhor tem sido muito comum ouvir falar da possibilidade de montar uma horta em casa, tornando alguns legumes, temperos e vegetais em geral muito mais acessíveis.

Como ter uma horta em casa? Confira algumas dicas

Ao mesmo tempo, também é preciso tomar alguns cuidados bastante específicos, no sentido de evitar uma bagunça ou sujeira generalizada. 

Além de garantir, é claro, que a própria plantação cresça trazendo um resultado saboroso e até mesmo bonito.

Assim você vai conseguir garantir uma alimentação natural sem precisar sair de casa ou socorrer uma receita ou outra no meio de um dia corrido. 

Portanto, ainda aproveitar bem um canto qualquer do quintal área de serviço, dando um toque especial ao recinto.

Por isso mesmo, se o que você quer é conferir algumas informações essenciais, junto de dicas práticas que qualquer um pode começar a colocar em prática hoje mesmo, melhorando gastronomicamente e esteticamente sua casa, basta seguir adiante.

Você já escolheu o local?

Como a maioria das hortas ou mesmo mini hortas plantadas em casa costuma contar com hortaliças, como alface, cebola, batata, cenoura, chuchu e tantas outras, é preciso considerar que esses tipos precisam de uma exposição garantida ao sol.

Ou seja, é preciso escolher um local que fique pelo menos cinco ou seis horas sem abrigo em relação à luz solar. 

Portanto, isso já impõe uma escolha bastante específica e estratégica em relação ao ponto da casa em que você vai instalar sua horta.

Obviamente, o tratamento que esse tipo de alimento demanda é bem diferente das comidas congeladas, que têm uma resistência muito maior e menos exigente.

Ao mesmo tempo, é preciso considerar que toda horta também costuma contar com algumas ervas, sendo que neste caso o mais indicado é a localização à meia-sombra, pelo menos durante uma média de vinte horas.

Se fizermos as contas, veremos que, além do período noturno, o local em que o sol bate apenas cinco ou seis horas é perfeitamente compatível com o perfil exigido pelas ervas, cujos maiores exemplos são os seguintes:

  • Alecrim;
  • Manjericão;
  • Salsa;
  • Manjerona;
  • Orégano;
  • Sálvia.

Enfim, o importante é perceber como a sinergia é grande, de modo que já se torna possível fazer um planejamento com base nessas opções, que são as melhores em termos de variedade e de popularidade, garantindo de ervas até hortaliças e afins.

O que plantar afinal

Sejam hortaliças, ervas ou temperos, para decidir o que plantar é preciso ter maior clareza sobre a razão de ser da sua horta, já que ela pode ser voltada para uso pessoal, por hobby ou mesmo pequeno comércio.

Sim, pois plantando em casa já é possível fazer algum comércio um pouco mais informal e reduzido, como abastecer apenas as pimentas de uma vendinha, ou as famosas frutas vermelhas de um delivery frutas.

Neste caso, os maiores exemplos são o morango, as amoras de vaso e até framboesas ou o tomate cereja. 

A maioria desses pode ser plantada direto na terra ou então por meio de uma sementeira, depois transportada, como ficará claro adiante.

Algumas dicas de ouro

Ao falar sobre sementeiras, surge o horizonte das dicas mais práticas e imediatas que podem ajudar na hora de plantar uma horta com sucesso.

Esse recurso da sementeira é algo que pode ser comprado como um recipiente ou improvisado em caixa de ovos ou garrafas pets cortadas.

A função dela é bem simples: proteger as sementes mais fracas enquanto crescem. Mais ou menos como as famosas telas de proteção que protegem a janela de uma casa.

Muitas vezes, basta a plantação atingir cerca de 10 centímetros, e já é possível extraí-la da sementeira e inseri-la no ecossistema da horta. Lembrando que até esse estágio chegar não é aconselhável exposição ao sol.

Outra dica de ouro é, tanto no caso das plantações mais frágeis quanto daqueles que tendem a ganhar altura em vez de se espalhar pelo chão, tomar todo cuidado do mundo com o caule.

Isso porque ele pode pender para algum lado, acabar envergando e até se quebrar. O modo mais prático de evitar isso é escorando por meio de uma ripa de bambu.

Por fim, é preciso considerar também a época do ano, pois algumas plantações são favoráveis ao verão, outras ao inverno, assim como algumas precisam de solo ventilado, outras não. 

Portanto, é preciso ficar de olho, cuidando que haja uma estufa quando o ideal for evitar o frio externo, ou mais exposição ao sol quando for preciso mais calor, e daí em diante.

Conclusão

Resumindo, ter uma horta pode trazer várias vantagens, seja para o bolso ou para a própria saúde. Com as dicas dadas acima, fica ainda mais fácil e mais seguro ter uma em casa.

Veja Notícias

Veja Notícias

O Veja Notícias é um portal de variedades para leitores de todo o Brasil.

Outros artigos

5 dicas para conseguir um emprego de aeromoça

15 de outubro de 2021

5 dicas para conseguir um emprego de aeromoça

Uma das profissões de grande renome na cultura popular é o papel da aeromoça, sendo por anos uma atividade vista com um certo destaque, visto a posição de requinte ...

Você pode ter interesse em:

Organização do quarto: 4 dicas fundamentais para organização do quarto

Organização do quarto: 4 dicas fundamentais para organização do quarto

Como escolher o motor ideal para o seu portão eletrônico

Como escolher o motor ideal para o seu portão eletrônico

Segurança em condomínios: Confira como promover

Segurança em condomínios: Confira como promover

Gesso ou madeira. Qual o melhor material para usar? Conheça outra opção!

Gesso ou madeira. Qual o melhor material para usar? Conheça outra opção!

Contratar uma empresa de reforma ou fazer por conta própria

Contratar uma empresa de reforma ou fazer por conta própria

3 dicas para aumentar a segurança residencial

3 dicas para aumentar a segurança residencial